Tamanho do Texto:
A+
A-

Os serviços de atendimento ao idoso da LEFAN participam de palestra sobre envelhecimento

19/09/2017 - 16h09
Envelhecimento

A Legião Franciscana de Assistência aos Necessitados (LEFAN) através dos seus quatro serviços de atendimento à população idosa – Casa São Frei Pio, Centro de Convivência Tia Oli, Capuchinhos e Paz e Bem, participaram neste dia 21 de agosto de 2017 de uma aula magna na Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) na cidade de Porto Alegre.

No evento, como palestrante principal o professor Alexandre Kalache, atual Presidente do Centro Internacional da Longevidade; Diretor do programa global de envelhecimento da Organização Mundial da Saúde (OMS); Líder do processo de elaboração da Política de Envelhecimento Ativo da OMS e do projeto Cidade Amiga do Idoso.

O objetivo do encontro era explanar os desafios do envelhecimento no contexto de tanta desigualdade social em que o Brasil vive e a necessidade de refletir novos caminhos para a implantação de políticas públicas que dialogam com o novo contexto da realidade social.

Segundo o painelista em 2050 a população idosa no Brasil irá corresponder 30% da população total do país, ou seja, 78 milhões de idosos. Entretanto, o professor afirma que embora já tenhamos dados estatísticos que sinalizam essa nova configuração etária o poder público e a sociedade civil não estão se mobilizando de forma consciente, planejada e responsável para atender as necessidades que os idosos irão demandar.

Franciele Roso, assessora dos projetos sociais da LEFAN diz que “Caxias do Sul vem identificando os impactos sociais do envelhecimento e precisa articular com as políticas públicas setoriais para melhor atender os idosos e fortalecer o debate acerca de um tema tão contemporâneo”.

Fonte: Capuchinhos do Brasil /CCB

Por Viviane De Tomasi (Lefan - Sede)

Deixar um comentário
Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipisicing elit, sed do.