Geral

Museu dos Capuchinhos promove Dialogarte

30/06/2016 - 09h14
  • A+
  • A-
O tema será História Oral: memória, história e oralidade
Fonte: Divulgação

O Museu dos Capuchinhos do Rio Grande do Sul - MusCap, promove a palestra História Oral: memória, história e oralidade, com Sônia Mary Storchi Fries, no dia 29 de junho, às 14 horas, na sede do MusCap (Rua General Mallet, 33ª – B. Rio Branco). Para participar o investimento é de R$ 10 e as inscrições podem ser feitas na hora ou pelo e-mail educativo@muscap.org.br As vagas são limitadas.

 

A palestrante é historiadora, bacharel em Filosofia e especialista em História da América Latina. Atua desde 1990 no setor de história oral do Arquivo Histórico João Spadari Adami, em Caxias do Sul. O Dialogarte é realizado anualmente pelo MusCap e visa promover o diálogo do público sobre arte com educadores, teóricos, especialistas e ou artistas, a partir de encontros temáticos.  

Saiba que:

- Estão abertas até o dia 8 de julho, as inscrições para o edital "OcupaMusCap". Serão selecionadas duas propostas de exposições artísticas, cujo projeto curatorial deve dialogar com os objetivos e acervo do Museu, para serem executadas dentro do calendário de exposições de 2016 e 2017, na sala de exposições temporárias. Acesse o edital pelo site: http://capuchinhos.org.br/muscap/editais/ocupamuscap

 

- Está em cartaz até o dia 14 de outubro a exposição “Peregrinos e Forasteiros”. As histórias de vida e de viagens de freis Capuchinhos são contadas a partir da coleção “Sala das Malas”, até então inédita ao público. A exposição integra às comemorações dos 120 anos de presença Capuchinha no RS. A abertura ao público ocorre de segunda à sexta, das 8h às 11h30min e das 13h30min às 17h.

 

- O Programa Educativo da instituição oferece visitas mediadas, atividades lúdico-criativas e atendimento em horários especiais, como finais de semana e feriados, mediante agendamento pelo e-mail educativo@muscap.org.br

 

Mais informações pelo telefone (54) 3320.9565. 

Fonte Capuchinhos do Brasil /CCB
Por Frei João Carlos Romanini (Frat. Imaculada Conceicao)