Tamanho do Texto:
A+
A-

Fé e devoção marcam a grande Cuiabá pelos 300 anos da Senhora Aparecida

15/10/2017 - 22h42

Em Cuiabá, os 300 anos de encontro da imagem de Nossa Senhora, nas águas do rio Paraíba, em 1717, foi celebrado com muita honra e grandiosidade na Paróquia Nossa Senhora Aparecida, no Coxipó. Esta paróquia é administrada pela fraternidade dos Freis Capuchinhos, atualmente, na pessoa de frei Gilberto Antônio Bedin.

Em preparação ao grande dia, houve uma novena, a fim de ajudar a todos entrar no mistério da manifestação de Deus na vida humana, seguindo as temáticas próprias de cada dia conforme o itinerário oferecido pelo Santuário Nacional de Aparecida, com o tema geral: “Senhora Aparecida: 300 anos de Graças e Bênçãos”.

De forma dinamizada, todas as pastorais, movimentos e comunidades que compõem a paróquia se envolveram com muita responsabilidade e compromisso, tanto na organização quanto na participação. Toda a programação paroquial em vista desta solenidade movimentou grande número de fiéis devotos.

E chegado o grande dia, 12 de outubro, a programação contou com duas Missas Magnificat: uma às 5h da manhã, presidida pelos freis capuchinhos, outra às 19h, presidida pelo Bispo Dom Milton Santos e concelebrada por todos os frades da fraternidade capuchinha de Cuiabá.

A Igreja Nossa Senhora Aparecida foi toda ornamentada e adaptada para este momento solene com cenários baseados no tema da campanha da fraternidade: “biomas brasileiros”. No decorrer do dia, houve também, às 9h30' uma missa com as crianças, e outras atividades programadas como um grandioso almoço, confraternizações e festejos da comunidade.

Concluindo a Missa Magnificat à noite, pelo bispo, houve a inauguração, do monumento dedicado à Nossa Senhora Aparecida, uma réplica fiel da imagem que está instalada no Santuário Nacional em Aparecida, na CNBB – Conferência Nacional dos Bispos do Brasil - e no Vaticano. E seguiu-se para os festejos da comunidade, a "Quermesse".

Fonte: Capuchinhos do Brasil /CCB

Por Frei Kellycio Medeiros Pereira (Casa de formação São Francisco de Assis)

Deixar um comentário