Legenda dos Três Companheiros - Introdução

Nenhum item cadastrado.

É uma preciosa coleção de quinze Salmos e uma antífona de Nossa Senhora que São Francisco fez para celebrar todos os dias, paralelamente ao Ofício Divino, o mistério de Jesus Cristo. Treze dos Salmos são elaboração dele, usando principalmente trechos de Salmos bíblicos. Esse “Ofício” não está contido em muitos pergaminhos medievais, mas não há dúvidas quanto a sua autenticidade. Os poucos pergaminhos não davam um título. Wadding inventou esse de “Ofício da Paixão do Senhor”, que foi aceito por Lemmens e Boehmer. Na realidade, São Francisco celebra também a Páscoa e todo o mistério de Jesus. Alguns autores achavam que era um texto sem importância, porque feito com retalhos de Salmos conhecidos. Mas é justamente aí que está sua importância: a seleção feita pelo Santo. A Legenda de Santa Clara (30) diz que ela “aprendeu o Ofício da Cruz feito por São Francisco e o recitava com igual afeto”. É um dos melhores escritos para demonstrar a identificação de Francisco com Jesus Cristo.

Para está oração estamos usando a sigla OfP. Faremos as seguintes divisões: OfP est (estrutura do texto como está no pergaminho); OfP ant (antífona) e OfP S1... até OfP S15 para os Salmos.