O mito do frei enclausurado

O mito do frei enclausurado

“Em meu dia-a-dia a tecnologia e o mundo digital são muito presentes e importantes: por meio deles eu posso transmitir às pessoas a mensagem de Paz e de Bem que São Francisco de Assis pediu que anunciássemos. Por isso, em meu canal no YouTube e também nas redes sociais, procuro mostrar aos jovens que Deus tem um plano de amor pra cada um. E que nós, jovens, temos a tarefa de construir um mundo melhor!”

Frei Renan, Pelotas

Em 2016, o IBGE divulgou que existem 116 milhões de pessoas conectadas à internet no Brasil. Isso representa 64,7% da população com idade acima de 10 anos. Isso coloca o nosso país no quarto lugar de nações que mais tem usuários de internet. E se levarmos em conta o crescimento e popularização de smartphones e tecnologia mobile, temos certeza que o número de pessoas conectadas é ainda maior em 2018.

Seguir o estilo de vida capuchinho significa estar em eterna transformação. Por isso, assim como você, nós também precisamos nos adaptar às mudanças do mundo, incluindo a tecnologia como um meio de disseminar os ensinamentos e conhecimentos da vida capuchinha. Nas palavras do Frei Elton: “A transformação, portanto, se dá por meio de nossa inserção em todos os meios que o mundo nos oferece, pois também ali o Senhor precisa chegar.”

O que queremos dizer com tudo isso? Que seguir a vida franciscana não quer dizer que você precisará abrir mão de tudo que é tecnológico. A diferença é que a partir dos seus conhecimentos, você dará outro significado ao uso da tecnologia e aprenderá a usar esses meios para um bem maior: conectar-se com muito mais pessoas.

Autor:
Comissão de Comunicação da CCB
No items found.
Comente