Páscoa de Frei Eurípedes Otoni, OFMCap

Páscoa de Frei Eurípedes Otoni, OFMCap

Nota de Falecimento

É com pesar que a Província dos Frades Menores Capuchinhos de Minas Gerais comunica o falecimento de FREI EURÍPEDES OTONI DA SILVA, aos 78 anos de idade, 58 anos de Profissão Religiosa e 49 de ministério presbiteral.

Natural de Araguari, no Triângulo Mineiro, Eurípedes Otoni da Silva nasceu aos 15 de dezembro de 1942. Filho de Teófilo Otoni Filho e Durvalina Borges Otoni. Entrou para a Ordem dos Frades Menores Capuchinhos em 1962, iniciando o Noviciado em 21 de janeiro, em Patos de Minas, recebendo o nome de Frei Marcelo Maria de Araguari. Emitiu a primeira profissão em 22 de janeiro de 1963. Aos 22 de janeiro de 1971 emitiu, em Poços de Caldas, a Profissão Perpétua na Ordem. Foi ordenado presbítero em Araguari aos 30 de janeiro de 1972 por Dom Onofre Cândido Rosa, SDB, na época Bispo coadjuto da Diocese de Uberlândia.

Dedicou-se aos diversos trabalhos provinciais, como Secretário Provincial, Ecônomo Provincial, Diretor do Seminário Seráfico Santo Antônio, em Ouro Fino, responsável pela Biblioteca e Museu Provinciais, bem como à cooperação pastoral nas várias Fraternidades que residiu: Belo Horizonte, Frutal, Carmo do Paranaíba, Governador Valadares, Poços de Caldas, Grajaú/MA, Salto da Divisa e Uberlândia.

A partir de 2017 residiu na Fraternidade Nossa Senhora do Rosário de Pompeia, em Belo Horizonte, onde colaborava pastoralmente e tratava de sua saúde. Na tarde do dia 15 de setembro de 2021, foi encaminhado ao pronto atendimento do Hospital da UNIMED, na capital mineira, com a queixa de uma completa prostração. A intenção, portanto, era emitir o laudo para início do atendimento médico domiciliar.

Após a investigação clínica, por volta das 21h, deu entrada no CTI do mesmo hospital, falecendo na manhã do dia 16 de setembro. O sepultamento ocorrerá no jazigo dos Frades Menores Capuchinhos de Minas Gerais, no Cemitério da Saudade, em Belo Horizonte.

Rezemos por esse irmão que tanto se dedicou à Província, à Igreja e ao povo para que, tendo participado da morte de Cristo pelo Batismo, participe igualmente da sua ressurreição (cf. Oração Eucarística III).

Fraternalmente,

Frei Glaicon Givan Rosa, OFMCap

Autor:
Frei Glaicon Givan Rosa, OFMCap
No items found.
Comente